Nenhum comentário

Orando as Escrituras – Salmo 10 (NVI – Nova Versão Internacional)

Senhor, por que estás tão longe? Por que te escondes em tempos de angústia?
Em sua arrogância o ímpio persegue o pobre, que é apanhado em suas tramas.
Ele se gaba de sua própria cobiça e, em sua ganância, amaldiçoa e insulta o Senhor.
Em sua presunção o ímpio não o busca; não há lugar para Deus em nenhum dos seus planos.
Os seus caminhos prosperam sempre; tão acima da sua compreensão estão as tuas leis que ele faz pouco caso de todos os seus adversários,
pensando consigo mesmo: “Nada me abalará! Desgraça alguma me atingirá, nem a mim nem aos meus descendentes”.
Sua boca está cheia de maldições, mentiras e ameaças; violência e maldade estão em sua língua.
Fica à espreita perto dos povoados; em emboscadas mata os inocentes, procurando às escondidas as suas vítimas.
Fica à espreita como o leão escondido; fica à espreita para apanhar o necessitado; apanha o necessitado e o arrasta para a sua rede.
Agachado, fica de tocaia; as suas vítimas caem em seu poder.
Pensa consigo mesmo: “Deus se esqueceu; escondeu o rosto e nunca verá isto”.
Levanta-te, Senhor! Ergue a tua mão, ó Deus! Não te esqueças dos necessitados.
Por que o ímpio insulta a Deus, dizendo no seu íntimo: “De nada me pedirás contas! “?
Mas tu enxergas o sofrimento e a dor; observa-os para tomá-los em tuas mãos. A vítima deles entrega-se a ti; tu és o protetor do órfão.
Quebra o braço do ímpio e do perverso, pede contas de sua impiedade até que dela nada mais se ache.
O Senhor é rei para todo o sempre; da sua terra desapareceram os outros povos.
Tu, Senhor, ouves a súplica dos necessitados; tu os reanimas e atendes ao seu clamor.
Defendes o órfão e o oprimido, a fim de que o homem, que é pó, já não cause terror.

1º Passo: Vamos orar? Hoje, eu quero crescer na graça e no conhecimento do Senhor? E você? Creio que também, não é? Então, vamos começar o dia reconhecendo a graça dEle em nossas vidas? O nome disso é Gratidão. Encha o seu coração de gratidão a Deus pelo que Ele é e pelo que Ele tem feito em sua vida. Que este momento de Leitura e Oração seja para Conhecer mais de Deus pelas Escrituras, Confiar mais em Deus e Conviver mais profundamente com Ele. Suplique a iluminação do Espírito Santo sobre a leitura do Salmo 10.

2º Passo: Leia pausadamente todo o Salmo 10. Não é fácil observar a aparente prosperidade dos ímpios, enquanto passamos por lutas. Este é o contexto do Salmo 10, que inicia com uma oração ousada (v.1) clamando pela intervenção divina, como se Ele estivesse indiferente. Mas, logo depois de descrever as obras ímpias dos homens, o Salmista descreve como Deus é misericordioso e compassivo, especialmente para com aqueles que sofrem nas mãos dos ímpios e dos perversos. Ele não esquece dos necessitados, enxerga o que sofre, protege o órfão, ouve a súplica e reanimas os que precisam, ao mesmo tempo que quebra o poder e a força do ímpio e do perverso. Definitivamente, Deus não é omisso, nem insensível, muito menos indiferente.

3º Passo: Vamos orar novamente? Talvez você já esteve – ou talvez esteja – na condição de precisar da intervenção de Deus em sua vida, porque está debaixo de opressão e perseguição de ímpios. Coloque isto diante do Senhor, na medida em que você em oração se identifica com este Salmo 10. Fale com Ele sobre o que você leu no Salmo e deixe o Espírito Santo conduzir esta conversa em oração.

4º Passo: Leia pausadamente todo o Salmo 10 novamente. Vá lembrando agora daquilo que mais tocou em você enquanto lia. São palavras e expressões do Salmo 10 que lhe fazem parar e refletir. Faça isto agora, enquanto lê o Salmo novamente. Seria interessante marcar, sublinhar ou anotar para não esquecer. Elas vão continuar habitando sua memória durante o dia e talvez por toda a sua vida. “Deus é o meu defensor amoroso e fiel” seria talvez o meu resumo do Salmo 10. E o seu? Como você resumiria as verdades deste Salmo 10 lhe ajudam a confiar e se entregar mais a Cristo e ao que Ele fez na cruz por você? Quais são os exercícios espirituais que você pode fazer para fortalecer esta confiança no Senhor e de que forma isto quebra as tendências carnais da sua natureza pecaminosa?

5º Passo: Vamos orar este Salmo 10? Coloque-se como a própria pessoa deste Salmo 10 e quem sabe, reescreva mais ou menos como segue: “Senhor, eu sei que tu me ouves, embora às vezes eu te sinta distante. Sei também que ver as obras dos ímpios, como eles vivem sem ti e parecem tão prósperos, me faz sentir tolo. Mas, não quero imitar as obras deles. Eles são maus, sem nenhuma piedade e compaixão para com os outros. Eu, por tua graça, amo o bem e sei que há um tempo certo para te ergueres com Reto Juiz, mas até lá, sê o advogado fiel e consolador dos que sofrem, especialmente dos mais desamparos que não tem com quem contar. Quando eu assim me sentir, me reanima para que te amar e servir seja a minha maior ambição”.

Postar um comentário