Nenhum comentário

Orando as Escrituras – Salmo 131 (NVI – Nova Versão Internacional)

Senhor, o meu coração não é orgulhoso e os meus olhos não são arrogantes. Não me envolvo com coisas grandiosas nem maravilhosas demais para mim.
De fato, acalmei e tranqüilizei a minha alma. Sou como uma criança recém-amamentada por sua mãe; a minha alma é como essa criança.
Ponha a sua esperança no Senhor, ó Israel, desde agora e para sempre!

1º Passo: Vamos orar? Estar na presença de Deus! Que privilégio começar uma nova etapa da vida, apresentando-se diante do Pai! Ele demonstra a sua bondade em começar cada dia conosco e nos abençoar generosamente! Ofereçamos a nossa gratidão ao Senhor. Ó Espírito Santo, ilumine nossa mente na Leitura do Salmo 131!

2º Passo: Leia pausadamente todo o Salmo 131. Este salmo, apesar de ser uma expressão individual de confiança em Deus, também é parte da coleção dos salmos de romagem (120-134), usados para as idas do povo de Deus a Jerusalém para as festividades em Sião. A ênfase é na confiança em Deus que propicia a quem teme o seu Nome, e a consequente humildade e serenidade decorrentes desta bendita Aliança. O salmista começa dirigindo-se diretamente ao Senhor, evidenciando sua submissão ao mandamento de Deus, razão porque não é movido pela ambição (v.1). Ele então descreve o contentamento sereno de descansar em Deus, como uma criança que acabou de ser amamentada descanso no colo de sua mãe (v.2). Tal experiência é a base para a exortação do salmista para o povo da Aliança esperar e confiar no Senhor.

3º Passo: Vamos orar novamente? Ao mesmo tempo que você relembra o que o Salmo 131 lhe faz sentir, direcione a meditação que envolve sua oração para este Deus da Aliança. É preciso focar em Deus, o Todo Poderoso Mediador da Aliança. Converse com o Senhor e deixe que sua alma seja renovada pela graça de saber que, apesar das luta, Ele lhe ouve, porque Jesus e o Espírito Santo intercedem por você, como afirmam as Escrituras.

4º Passo: Leia pausadamente todo o Salmo 131 novamente. Observe a descrição das convicções, sentimentos e atitudes do autor deste Salmo. Como uma oração, o Salmo 131 é expressão de devoção e de confiança. Agora, anote aí também os pedidos que Davi faz diante de Deus, como resposta à maneira que ele enfrentou/está enfrentando.

5º Passo: Vamos orar este Salmo 131? Eu oro assim:
“Ó Senhor, em ti reside todo o descanso, que meu olhos e meu coração necessitam.
A luta é contra o orgulho e a arrogância que dirigem a minha carne, cuja ânsia é por satisfazer a minha própria concupiscência em querer ser mais, fazer mais, alcançar mais…
Tudo para mim e para a minha glória. Miserável homem que sou!
Acalma, ó Pai, meu coração e serena a minha alma, assim como atendes à sofreguidão de uma criança que mama.
Que no seio da tua presença, encontre sempre lugar para experimentar a paz que só tu tens para dar.
Em ti, em ti somente, ó Deus da Aliança, repousa a minha esperança para sempre”.

Deus o abençoe e até amanhã com o Salmo 132.

Postar um comentário